NOTÍCIAS

Comunidade de Bento Rodrigues visita opções de locais para reconstrução da cidade

12/04/2016

Mariana_MG, 08 de Abril de 2016

Samarco - Acoes de recuperacao

Na foto, moradores de Bento Rodrigues em visita ao terreno de Lavoura, de propriedade da Arcelor Mittal,  onde podera ser reconstruida a comunidade

Foto: LEO DRUMOND / NITRO

 

Nos dias 8 e 9 de abril, 120 pessoas da comunidade de Bento Rodrigues conheceram as três opções de terrenos para a reconstrução do distrito de Mariana (MG). As visitas, organizadas pela Samarco, foram acompanhadas pela equipe técnica da empresa e, dessa maneira, as famílias puderam se informar sobre as características de cada uma das opções e esclarecer dúvidas antes de fazerem a escolha, em assembleia a ser realizada ainda este mês.

Aqueles que não puderam participar nos dois primeiros dias terão uma nova oportunidade em 16 de abril. Os interessados devem procurar posto de atendimento da Samarco localizado na rua Bom Jesus, 157, centro de Mariana, ou entrar em contato pelo 0800-031-2303.

Os três terrenos foram as melhores alternativas encontradas na região, de acordo com os 17 critérios de importância estabelecidos pela própria comunidade. As opções visitadas ficam nas redondezas de Mariana e são conhecidas como Lavoura, Taquara Queimada e Bicas.

Assim que o terreno for escolhido em votação pela comunidade, terá início a discussão sobre o projeto urbanístico de Bento Rodrigues. Nesta fase, a comunidade definirá a localização dos bens públicos, como praça, igreja, escola, posto de saúde e campo de futebol, além de padrões construtivos das moradias, ainda no âmbito coletivo, sem decisões individuais.

Desenhada a nova planta urbana de Bento Rodrigues, o próximo passo será o diálogo individual com as famílias para a escolha de detalhes como local, estrutura e padrões de acabamento de cada residência. Uma vez fechados os acordos individuais, a expectativa é que os projetos de engenharia fiquem prontos até outubro.

O passo seguinte será a contratação da empresa que será responsável pela reconstrução. A última etapa será a mudança e o acompanhamento das famílias nas novas moradias.

Facebook Twitter Google+