Samarco esclarece

 

Samarco, Vale e BHP Billiton fazem acordo preliminar de utilização da Cava de Timbopeba para Samarco dispor rejeitos

 

Nesta terça-feira, dia 20, Samarco, Vale e BHP Billiton celebraram acordo preliminar para utilização da Cava de Timbopeba da Vale para disposição de rejeitos pela Samarco, caso a Empresa volte a operar. O acordo prevê a transferência da Cava à Samarco, que, como compensação, fornecerá à Vale minério não processado (Run of Mine – ROM) por um período ainda a ser determinado. Um acordo definitivo estará sujeito ao sucesso da negociação entre as partes, à due diligence e às aprovações governamentais necessárias, o que se espera que aconteça em 2017.

A utilização da Cava de Timbopeba faz parte dos estudos de médio e longo prazos para a retomada das operações da Samarco. Neste momento, a Empresa está empenhada na obtenção das licenças ambientais necessárias para o Sistema de Disposição de Rejeitos da Cava de Alegria Sul, o que a permitirá operar por cerca de dois anos e, também, a Licença Operacional Corretiva do Complexo de Germano.

 

Confira outros posicionamentos oficiais da Samarco:

13/12/2016 – Resumo executivo mostra as causas do rompimento da barragem de Fundão

15/11/2016 – Veja o esclarecimento sobre o resultado do trabalho realizado pelo Ministério Público Federal de Minas Gerais

04/10/2016 –  Esclarecimento sobre a ação judicial feita pelo Ministério Público do Trabalho relacionada ao Programa de Demissão Voluntária (PDV)

21/09/2016 – Esclarecimento sobre fraudes a pessoas contempladas com cartão de auxílio financeiro em Colatina (ES)

22/08/2016 – Esclarecimento sobre a anulação da homologação do Termo de Transação de Ajustamento de Conduta (TTAC) e suspensão das licenças ambientais 

10/08/2016 – Laudos comprovam: água tratada nas Estações de Tratamento de Água (ETAs) de Governador Valadares é potável

01/08/2016 – Posicionamento sobre o fim do Programa de Demissões Voluntárias (PDV)

13/07/2016 – Confira o esclarecimento da Samarco sobre o atendimento realizado com as pessoas das comunidades impactadas

07/07/2016 – Confira o esclarecimento da Samarco sobre as denúncias do Ministério Público de Minas Gerais

07/07/2016 – Confira o posicionamento da Samarco a respeito das declarações da ONU sobre a suspensão da homologação do acordo.

Facebook Twitter Google+