09/04/21
Samarco ajuíza Recuperação Judicial para manter suas atividades de produção
Compartilhar esta notícia

Belo Horizonte, 09 de abril de 2021 - A Samarco ajuizou pedido de Recuperação Judicial (RJ) à Justiça de Minas Gerais para renegociar sua dívida, que é em sua maior parte financeira e está em poder de detentores estrangeiros de títulos de dívida (“bondholders”). O objetivo do pedido de RJ é permitir que a empresa mantenha as suas atividades de produção e preserve sua função social de geração de emprego, renda e tributos.  

As operações da Samarco proporcionam empregos, movimentam a economia local e trazem benefícios para a comunidade, além de dar continuidade às ações de reparação e compensação de danos. Deve-se ressaltar que a Recuperação Judicial não terá impacto nas atividades operacionais e nem nas ações de reparação e compensação conduzidas pela Fundação Renova.

A Samarco buscou firmar um acordo extrajudicial com os seus credores para renegociar a dívida. No entanto, diante de demandas inviáveis impostas por eles, não foi possível chegar a um bom termo das negociações. Após recentes medidas judiciais de alguns credores, a empresa optou pela via protetiva da recuperação judicial.

Origem da dívida financeira

Grande parte da dívida financeira da Samarco com os credores foi contraída anteriormente ao rompimento da barragem do Fundão, que ocorreu em novembro de 2015. Até agosto de 2016, a Samarco buscou honrar seus compromissos e realizou pagamentos regulares aos credores.

Após esse período, a Samarco buscou uma negociação amigável para a reestruturação de sua dívida com os credores. Em 27 de novembro de 2018, a Samarco se reuniu com credores, visando a uma reestruturação consensual – o que foi seguido por trocas de propostas e contrapropostas. 

No ano passado, a Samarco fez esforços para retomar as negociações extrajudiciais com estes credores com a condução da due diligence técnica, além de diversas interações com os assessores financeiros e legais dos credores.

Porém, infelizmente, durante a discussão dos termos sob os quais as negociações de reestruturação poderiam ser retomadas, um grupo que representa parte dos detentores dos títulos (“bondholders”) requereu termos fora de mercado para iniciar as conversas e o engajamento não se tornou possível. Assim, alguns credores iniciaram a sequência de ações judiciais que levaram a Samarco a ajuizar uma RJ a fim de preservar a recente retomada operacional e o cumprimento das obrigações socioambientais. 

Sobre a Samarco

A Samarco é uma empresa de capital fechado, com mais de 40 anos de história, controlada por uma joint venture de propriedade da Vale e da BHP Billiton Brasil Ltda. Com sede em Belo Horizonte (MG), a empresa se caracteriza como um empreendimento integrado, com duas unidades operacionais: o Complexo de Germano, em Mariana (MG), que contempla as minas e as plantas de beneficiamento de minério de ferro, e o Complexo de Ubu, em Anchieta (ES), onde estão as usinas de pelotização e o terminal portuário.

Para o reinício gradual da produção, com 26% da sua capacidade produtiva, a empresa reativou um dos seus três concentradores, no Complexo de Germano (MG), e a usina de pelotização 4, no Complexo de Ubu (ES).



Compartilhar esta notícia




Notícias Relacionadas

30/04/21

Rodrigo Vilela é empossado no Conselho de Administração da ABM

Continue lendo
12/04/21

Justiça defere o processamento da Recuperação Judicial

Continue lendo
09/04/21

Samarco ajuíza Recuperação Judicial para manter suas atividades de produção

Continue lendo
05/04/21

Terceira edição da Revista Lado a Lado já está disponível!

Continue lendo
31/03/21

Força Local promove palestra e seminário gratuitos

Continue lendo
17/03/21

Rodrigo Vilela recebe título de Personalidade do ano do Setor Mineral

Continue lendo
05/03/21

Samarco recebe visita do Sindifer

Continue lendo
03/03/21

Samarco articula iniciativa para a diversificação econômica de Mariana e Ouro Preto

Continue lendo

Contatos para
a imprensa

A assessoria de imprensa da Samarco está à disposição para receber sua demanda. Caso precise, entre em contato pelos e-mails e telefones abaixo, de preferência informando também os seus contatos e o prazo para atendimento.
  imprensa@samarco.com
  (31) 3269-8844
  (31) 3269-8857
  (31) 3269-8929
Adriana Valério
(31) 98408-0249
Débora Ozório
(31) 97123-5520
Leandra Valadares
(31) 98281-3034
Contatos exclusivos para relacionamento com jornalistas. Para outros assuntos, você deve procurar o nosso Fale conosco. Para oportunidades de emprego, clique aqui.

Conteúdos
audiovisuais

Reunimos aqui fotos, vídeos e infográficos sobre nossas atividades e operações.

Acessar
Obrigado pelo contato! Retornaremos em breve.

Cadastro
de jornalistas

Preencha o formulário com seus dados para se registrar e receber notícias sobre a Samarco.