Contraste
Acessibilidades Acessibilidade
1 Conteúdo
2 Menu
3 Rodapé

Sobre

Somos uma mineradora brasileira e possuímos uma cadeia produtiva integrada em Minas Gerais e no Espírito Santo. Nosso principal produto são as pelotas de minério de ferro, matéria-prima para produção de aço pela indústria siderúrgica.

Veja mais

Reparação

Veja mais

Fornecedores

Nossos fornecedores contribuem diretamente com a nossa jornada rumo a uma mineração diferente ao agregar valor às nossas operações. Conheça o compromisso da Samarco com os fornecedores envolvidos na nossa cadeia de valor.

Veja mais

Relações com Investidores

Veja mais

Imprensa

Jornalista, aqui você encontra todas as publicações relacionadas à Samarco. Entre em contato conosco para outras informações.

Veja mais

Contato

O Fale Conosco é um canal de atendimento mais próximo das comunidades. Você pode enviar dúvidas, fazer sugestões, reclamações ou elogios.

Veja mais
21/03/24

Samarco custeará obras de contenção e adequação de margens em córrego no distrito de Antônio Pereira

Termo de parceria assinado com a prefeitura de Ouro Preto, nesta quinta-feira, destina cerca de R$ 18 milhões para intervenções que auxiliarão na prevenção de alagamentos

A Samarco assinou termo de parceria com a prefeitura de Ouro Preto, nesta quinta-feira (21/3), para obras de contenção e adequação de margens do córrego Água Suja, no distrito de Antônio Pereira. A empresa irá custear integralmente as intervenções com recursos de cerca de R$ 18 milhões. O encontro, realizado no Centro Cultural de Antônio Pereira, contou com a participação de moradores e lideranças do distrito, do prefeito Angelo Oswaldo, de vereadores e do presidente da Samarco, Rodrigo Vilela.

A iniciativa atenderá a uma demanda antiga da comunidade de Antônio Pereira. “É gratificante poder contribuir com melhorias na infraestrutura do distrito e, sobretudo com a qualidade de vida das pessoas da região. Acreditamos em parcerias e investimentos que nos permitem compartilhar valor com os territórios onde atuamos”, destacou o presidente Rodrigo Vilela.

As obras consistem na construção de muros (gabião), ao longo do Córrego Água Suja, no trecho entre os dois campos de futebol do distrito, de extensão aproximada de 850 metros, protegendo as margens do córrego contra erosão. Entre as intervenções estão previstas escavação, reaterro, recomposição de via, além do alargamento do curso d’água em trechos críticos, que poderá reduzir a ocorrência de inundação, assim como impactos de alagamentos no local.

“Antônio Pereira vive um momento histórico de valorização e renovação. Nos últimos meses, presenciamos a conclusão da Estrada da Purificação, a inauguração do Centro de Cultura e o início das obras construção da Capela Velório e da Praça Vila Residencial Antônio Pereira. Agora, damos um passo adiante com a obra de contenção de inundação o Córrego da Água Suja. Isso não é o acaso, é o resultado da política de relacionamento institucional voltada para as comunidades que convivem com a atividade minerária”, afirmou o prefeito Angelo Oswaldo.

O projeto de engenharia foi realizado pela prefeitura de Ouro Preto, em parceria com a Vale. As intervenções serão executadas por empresa contratada pelo município. A iniciativa faz parte das ações voluntárias de investimento social da Samarco em seus territórios de atuação.

Presidente da Samarco, Rodrigo Vilela, prefeito de Ouro Preto Angelo Oswaldo, vereador Vander Leitoa junto à equipe da empresa e da Prefeitura durante o encontro para assinatura do termo - Foto Créditos: Otávio Honorato