Contraste
Acessibilidades Acessibilidade
1 Conteúdo
2 Menu
3 Rodapé

Sobre

Somos uma mineradora brasileira e possuímos uma cadeia produtiva integrada em Minas Gerais e no Espírito Santo. Nosso principal produto são as pelotas de minério de ferro, matéria-prima para produção de aço pela indústria siderúrgica.

Veja mais

Fornecedores

Nossos fornecedores contribuem diretamente com a nossa jornada rumo a uma mineração diferente ao agregar valor às nossas operações. Conheça o compromisso da Samarco com os fornecedores envolvidos na nossa cadeia de valor.

Veja mais

Relações com Investidores

Veja mais

Imprensa

Jornalista, aqui você encontra todas as publicações relacionadas à Samarco. Entre em contato conosco para outras informações.

Veja mais

Contato

O Fale Conosco é um canal de atendimento mais próximo das comunidades. Você pode enviar dúvidas, fazer sugestões, reclamações ou elogios.

Veja mais

Oportunidades

Veja mais
23/09/22

Samarco instala semáforos de aviso de ondas para mais segurança no Porto de Ubu

Os semáforos de aviso de ondas fortes instalados pela Samarco no Porto de Ubu, em Anchieta (ES), trouxeram mais segurança para os empregados (as) e contratados (as) que precisam acessar o local. São três equipamentos na entrada e no meio do quebra-mar que funcionam 24 horas, diariamente, para alertar sobre a situação das ondas. O sinal vermelho do semáforo é um alerta para ninguém entrar no quebra-mar e quem estiver no local deverá sair para evitar riscos.

As operações dos equipamentos foram iniciadas no final de julho, após simulações da lógica de controle e realização de testes. O sistema foi desenvolvido pela Samarco, que contratou a empresa Hidromares para fornecer os dados. Anteriormente, o monitoramento era realizado por meio uma boia instrumentada, porém as informações geradas não alertavam para situações de risco, como acesso ao quebra-mar em momentos de ondas fortes.

“Houve um ganho expressivo de segurança. O sistema fornece informação para quem trabalha no local. É um alerta importante a ser considerado na análise de risco ao adentrar ao quebra-mar, região do porto onde já tivemos ocorrência de projeção de pedras”, ressaltou o engenheiro de automação da Samarco, Luciano Rocha.

Para acionar os sinais dos semáforos, conforme a altura das ondas, uma boia com sensores foi ancorada na região do Porto de Ubu. Os dados emitidos são acompanhados pela equipe de automação da Samarco. Luciano explica que em algumas situações os equipamentos poderão ser acionados manualmente. “Em dias em que os marítimos avaliarem a necessidade de considerar outras características da maré para confirmar se há riscos, devido à altura da onda, temos essa possibilidade de acionamento manual”, disse o engenheiro.